Caburé-miudinho

Informações do animal

Nome: Caburé-miudinho

Característica

O caburé-miudinho é uma das menores corujas do mundo: mede de 14 a 15 centímetros. Pode ser facilmente confundido com o caburé (Glaucidium brasilianum), diferenciando-se deste pelo tamanho e pela vocalização, além de ter estrias na testa, enquanto o outro possui pintas.

Alimentação

Come principalmente aves, inclusive beija-flores, além de pererecas e grandes insetos.

Reprodução

Normalmente nidifica em oco de árvores, muitas vezes em ninhos de pica-paus. A postura geralmente é de três ovos brancos e quase redondos. O período de incubação é de 28 a 30 dias. Os filhotes são alimentados por ambos os pais e com um mês abandonam o ninho, mas continuam a ser alimentados pelos pais até que consigam caçar sozinhos. Atingem a maturidade sexual com um ano de vida.

Hábitos

 Vive no interior e nas bordas de florestas úmidas. Tem hábitos diurnos e noturnos.  

Distribuição Geográfica

 

Existem registros deste animal nas seguintes cidades:

Sem localização (3)
Registro mais recente: 15/11/2018

Curiosidades

Possui grandes olhos falsos desenhados na nuca, cuja função é enganar suas presas e possíveis predadores. Canta frequentemente durante o dia, o que acaba chamando a atenção de uma série de outras espécies de aves. Ao ser localizado pelas outras aves, é imediatamente cercado e “denunciado”, com pios e voos especiais.

Seu nome científico deriva do grego glaukidion (diminutivo de glaux = pequena coruja, corujinha) e do latim minutissimum, minutissimus, minutus (extremamente pequeno, pequenino) = coruja extremamente pequena.   

Ocorrências

  • Sem localização (3)