Andorinha-pequena-de-casa

Informações do animal

Nome: Andorinha-pequena-de-casa
Nome científico: Pygochelidon cyanoleuca

Característica

Mede de 10 a 13 centímetros e pesa de 12 a 13 gramas. O lado dorsal é preto-azulado e o lado ventral, branco. Os indivíduos jovens apresentam penas marrom-fuligem e a garganta e a barriga de cor branca amarelada.

Alimentação

Captura seu alimento no ar: insetos voadores como moscas, vespas, libélulas e besouros.

Reprodução

Nidifica em barrancos cortados por autoestradas, em galerias ou em ocos de árvores. Põe de dois a três ovos e alimenta os filhotes recém-saídos do ninho em pleno voo.

Hábitos

Habita áreas abertas, zonas arbustivas e áreas urbanas, evitando matas contínuas. Sua população flutua sazonalmente em certas regiões. Em dias mais frios, costuma aquecer-se encostando a barriga nos telhados e em muros aquecidos pelo sol. Banha-se em voos rasantes, molhando o ventre e a cauda.

Distribuição Geográfica

 

Existem registros deste animal nas seguintes cidades:

Registro mais recente: Em Guabiruba - 06/12/2011

Curiosidades

Observação do autor – Em uma de minhas pesquisas de campo, em 07 de setembro de 2011, encontrei uma andorinha trancada sob as telhas na sede do Parque Nacional São Joaquim, numa temperatura abaixo de zero. Fraca e cansada, seu destino estava selado, não fosse pela insistência de outras duas andorinhas que incansavelmente tentavam fazer algo para ajudá-la. Percebi a situação e cuidadosamente a resgatei. Verifiquei que estava apenas um pouco cansada e a libertei. Ela saiu voando, seguida por suas fiéis companheiras. Pousaram em um fio de luz e emitiram pequenos piados, como que comentando o ocorrido e agradecendo.

Dados Científicos


Classificação Científica:

Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Passeriformes
SubOrdem: Passeri
Parvordem: Passerida
Família: Hirundinidae , Rafinesque, 1815
Espécie: P. cyanoleuca
Nome Científico: Pygochelidon cyanoleuca, (Vieillot, 1817)
Nome em Inglês: Blue-and-white Swallow