Inhambuguaçu

Videos deste animal     (1)

Informações do animal

Nome: Inhambuguaçu
Nome científico: Crypturellus obsoletus

Característica

 

Tamanho: Mede entre 28 e 32 cenítmetros de comprimento. As fêmeas em geral são um pouco maiores e apresentam coloração de tonalidade mais avermelhada.
 

Alimentação

 

Alimenta-se preferencialmente de sementes, mas também folhas, frutos, grilos, gafanhotos, cupins, formigas, caramujos e outros insetos apanhados no chão.

Reprodução


Costumam acasalar-se de  setembro a dezembro. Seu ninho no solo é muito simples, constituído de algumas folhas secas, sob alguma folhagem ou ao lado de algum tronco; e sua postura consiste em 2 a 3 ovos de coloração rosa-púrpura, incubados num período médio de 19 dias pelo macho.

 

Hábitos

 

Habita a floresta atlântica no Brasil, em praticamente todos os níveis de altitude, sendo sua presença mais marcante acima dos 400 metros.

Distribuição Geográfica

 

Existem registros deste animal nas seguintes cidades:

Registro mais recente: Em Balneario Camboriu - 22/06/2013

Curiosidades

 

Diz a Lenda:

O povo crê que este tinamídeo perde a língua na época da seca e que só lhe nasce outra com a chegada da chuva. Isso porque, coincidentemente, durante a estiagem essa espécie não canta. Quando as chuvas renovam o viço da natureza, o inhambu volta a cantar, á sua maneira, as alegrias da terra.

Dados Científicos



Classificação Científica:
 

Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Tinamiformes
Família: Tinamidae, Gray, 1840
Espécie: C. obsoletus
Nome Científico: Crypturellus obsoletus, (Temminck, 1815)
Nome em Inglês: Brown Tinamou